Governo reduz novamente a zero IOF sobre operações de crédito

A- A+
14 de dezembro de 2020

O governo federal voltou a reduzir a zero a alíquota do imposto IOF sobre operações de crédito, câmbio e seguro realizadas até 31 de dezembro de 2020.

A alíquota havia sido zerada durante a pandemia do novo coronavírus, mas foi restabelecida em 26 de novembro para compensar gastos com o auxílio da população do Amapá, que enfrentou uma crise energética por 20 dias.

Contudo, a nova alíquota zerada entrará em vigor na terça-feira 15/12.

Desta forma, os Participantes que contratarem Empréstimos pelos Planos da Capef entre 15/12 e 29/12, até as 12h (última liberação do ano), serão beneficiados com a isenção do IOF, imposto geralmente cobrado no ato da liberação dos recursos.

Digite seu CPF abaixo, caso deseje pontuar no Programa Parceria Premiada