Você sabe o que significam as siglas do seu Plano?

A- A+
27 de junho de 2016

Você sabe o que significam as siglas do seu Plano da Capef?

PLANO BD

Plano de Benefício Definido (BD)
Modalidade de Plano onde os benefícios programados têm seu valor ou nível previamente estabelecidos, sendo o custeio determinado atuarialmente, de forma a assegurar sua concessão e manutenção.

Vantagem: oferece benefícios vitalícios.

Desvantagem: alto risco de desequilíbrio atuarial quando as premissas utilizadas nas projeções não se confirmam ao longo do tempo.

PLANO CV I

Para entender o significado e características do Plano CV, antes é necessário conhecer outra modalidade de plano: o CD.

Plano de Contribuição Definida (CD)
Modalidade de plano previdenciário onde os benefícios programados têm seu valor permanentemente ajustado ao saldo da conta do participante, inclusive na fase de recebimento de benefícios, considerando o resultado líquido de sua aplicação, os valores aportados e os benefícios pagos.

Vantagem: não há risco de desequilíbrio atuarial.

Desvantagem: benefícios temporários ou vitalícios de valores decrescentes, recalculados com base no saldo da conta individual e na expectativa de sobrevida futura.

Plano de Contribuição Variável (CV)
Esta modalidade reúne as melhores características de Planos CD e de Planos BD:

I. A fase de contribuições tem sempre características de Plano CD, pois as contribuições do participante são registradas em conta individual destinada a financiar os seus próprios benefícios; e

II. Já a fase de benefícios combina características de Plano CD e BD, quando inicia o pagamento de benefício na fase de renda certa a prazo certo, passando, após esse período, a pagar renda vitalícia.

Vantagens: Ao final da renda certa a prazo certo (22 anos), é garantido o pagamento de uma renda vitalícia de valores aproximadamente constantes e com baixo risco de desequilíbrio atuarial, diferente dos Planos BD.